%= render 'layouts/carrousel' %>
 150 Visualizações

Disau alerta sobre cuidados com a audição

Ações e campanhas acontecem em todo o país em novembro

11/11/2019 13:18

A audição é um dos sentidos primordiais para a comunicação humana. Mas hoje, em torno de 10 milhões de brasileiros possuem algum tipo de deficiência auditiva. Para alertar sobre esse problema, em todo o Brasil são desenvolvidas ações em campanhas relacionadas ao chamado “Novembro Laranja”, sendo o dia 10 comemorado o Dia de Prevenção e Combate à Surdez e em 11/11 é o Dia Nacional de Conscientização do Zumbido. Na Divisão de Saúde do TJRO existe o serviço de audiologia para a realização do exame auditivo.


O zumbido é sinal que o paciente pode estar sofrendo de um problema auditivo mais grave. O envelhecimento natural do ouvido e exposição ao ruído em excesso (som alto) são algumas causas da perda auditiva. 


Dados da OMS revelam que o uso dos fones de ouvido em intensidade elevada por mais de 90 minutos por dia pode aumentar o risco de desenvolver zumbido ou perda auditiva em até cinco anos. Se se o uso for em potência máxima, as chances sobem para 75%. A perda auditiva, se causada pela exposição a sons intensos, é irreversível e não curável.


As pessoas com hipersensibilidade de ouvir a campainha, o telefone tocando, ‘mastigação de chiclete’, entender o que os outros falam ou apresentam zumbido no ouvido, é importante realizar uma avaliação auditiva. A perda auditiva não tratada pode causar depressão, quedas, isolamento social e aumenta em 50% as chances de demência.


 Algumas medidas de prevenção são essenciais para manter uma audição saudável. São elas:

 

- Respeite os intervalos de repouso sonoro quando a exposição a altos níveis de intensidade é constante;

 

- Use protetores auditivos quando recomendado, principalmente em locais de trabalho que causam risco à audição pela exposição a altos níveis de intensidade sonora;

 

- Objetos pontiagudos devem estar sempre afastados do ouvido;

 

- O cotonete deve ser usado para limpeza do excesso de cera na parte mais externa do ouvido e para secar a orelha. Jamais deve ser introduzido no canal;


- Evite a automedicação;


- Evite a exposição prolongada a sons em forte intensidade. Para isso, controle o volume do seu smartphone, TV ou som do carro.



Comunicação interna


Contato

Se precisar, entre em contato.

Tribunal de Justiça de Rondônia
Sede - Rua José Camacho, nº 585 - Bairro Olaria
Cep 76801-330 - Porto Velho, Rondônia
Alô Justiça: 0800-647-7077 Geral: (69) 3217-1152

© 2019 Diretoria de Gestão de Pessoas - DGP
Versão do Sistema